Mais de 176 mil pessoas reformaram-se antes dos 65 anos

Mota Soares foi chamado a explicar a suspensão das reformas antecipadas.

O número de pensionistas que recebem actualmente uma reforma antecipada ascende a 176 mil, o que corresponde a 10% do total das pensões pagas pela Segurança Social. Os dados foram revelados ontem, no Parlamento, pelo ministro da Solidariedade e Segurança Social, Pedro Mota Soares.

O governante esteve a ser ouvido na comissão parlamentar de Segurança Social e Trabalho, a pedido do grupo parlamentar do PS, para explicar a decisão do Governo de suspender o regime que permite reformas antecipadas (antes dos 65 anos), com uma penalização de 6% ao ano.

Mota Soares sublinhou que a decisão do Governo tem como objectivo "travar a corrida a esta prestação social, cujo número médio mensal de pedidos ultrapassava, este ano, quase 50% da média do ano passado".

Só nos primeiros três meses do ano, o número de pedidos de reformas antecipadas aumentou 49% face ao período homólogo. E, segundo o ministro, se o Governo não tivesse feito nada, o número seria "três vezes maior" no final de 2012 face ao ano passado. Em 2011, de acordo com Pedro Mota Soares, registaram-se 27 mil novas pensões antecipadas.

fonte:http://economico.sapo.pt/

publicado por adm às 08:30 | favorito