Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Reforma

Tudo sobre a reforma, aposentação e reformados...

Tudo sobre a reforma, aposentação e reformados...

Reforma

17
Out12

Reformas esgotam daqui a sete anos

adm

Os portugueses correm um sério risco de ficar sem reformas daqui a sete anos. É que as contas da Segurança Social entraram em queda livre e o sistema de previdência deverá entrar na «falência» já em 2020, ou seja, dez anos antes do inicialmente previsto.

Em apenas dois anos a sustentabilidade da Segurança Social diminuiu 20 anos, escrevia ontem o jornal «i», que avançou com a notícia. O diário explicou, inclusive, que o Orçamento do Estado para 2013 não prevê, em consequências do impacto da crise na situação financeira do sistema previdencial, a transferência de quotizações dos trabalhadores para reforçar este fundo.

Já esta quarta-feira o «Correio da Manhã» garante que a culpa - das pensões atuais e futuras correrem riscos - é da diminuição das receitas contributivas e do aumento da despesa com prestações sociais. 

Assim, será em 2020 que o saldo da Segurança Social entrará em terreno negativo, tendo em conta que faltarão aos cofres do Estado 344 milhões de euros. Nesse ano, apenas o Fundo de Estabilização Financeira poderá valer para pagar reformas e subsídios em Portugal.

Antes, as projeções só apontavam 2030 como o ano da rutura, com 36 milhões de euros disponíveis. Mas agora, os dados inscritos no relatório do Orçamento do Estado para 2013, antecipam a necessidade «de mais medidas estruturais», além das já adotadas.

Ainda esta semana, o ministro das Finanças, Vítor Gaspar, garantia que «temos de tomar medidas para assegurar a sustentabilidade do sistema para as gerações futuras.

Também Bagão Félix, ex-ministro da Segurança Social, já veio dizer que «nas reformas das prestações sociais já se chegou a um ponto em que é difícil alterar parâmetros».

fonte:http://www.agenciafinanceira.iol.pt/e

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Links

Politica de privacidade

Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2012
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2011
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D