Novas pensões sofrem corte de 15 por cento

Os funcionários públicos estão a correr para a reforma. Os encargos do Governo com a Caixa Geral de Aposentações (CGA) aumentam, os valores das novas pensões descem a pique.

«Em média, a pensão está a cair cerca de 150 euros por cada mil euros», disse o dirigente do Sindicato Trabalhadores da Administração Pública (SINTAP), João Abraão, ao «Correio da Manhã».

«A queda média da pensão ronda os 15%», concluiu, por sua vez, o líder do Sindicato dos Quadros Técnicos do Estado (STE), Bettencourt Picanço, também citado na edição desta segunda-feira do «CM».

Os encargos do Executivo com a CGA, nos primeiros sete meses do ano, ascendeu a 2,68 mil milhões de euros, mais 120,5 milhões de euros do que no mesmo período do ano passado, segundo a execução orçamental de Agosto, divulgada pela Direção-Geral do Orçamento (DGO).

fonte:http://www.agenciafinanceira.iol.pt/e

publicado por adm às 11:58 | comentar | favorito